O tempo de concessão é de 35 anos
O consórcio formado por Petrobras, Shell, Total, CNPC e CNOOC venceu nesta segunda-feira o leilão para explorar o Campo de Libra, classificado pelo governo federal como "a maior área para exploração de petróleo no mundo". O leilão desta segunda-feira (21) foi o primeiro do pré-sal sob as novas regras do modelo de partilha, no qual parte do óleo extraído pelas empresas fica com a União. A proposta vencedora foi a que ofereceu para a União o maior percentual de óleo produzido. A oferta mínima determinada no edital era de 41,65%. O tempo de concessão é de 35 anos.
Leia também: Dilma e o Pré-sal
Comente abaixo sua opinião sobre o assunto!
0 Comentários
 
Topo