O Syrian Eletronic Army, um grupo de hackers que apoia o presidente sírio, Bashar Assad, afirmou nesta terça (04/02) que conseguiram hackear o Facebook.com, para o décimo aniversário da rede social. Em um tweet, o grupo reinvidicou o domínio do Facebook, mostrando no WHOIS que o e-mail vinculado ao Facebook havia sido alterado para uma conta do grupo syrian.es.sy@gmail.com.



A SEA alegou que era capaz de alterar os servidores do Facebook, mas pararam porque estava "levandoo muito tempo." Meia hora após o tweet da SEA, Facebook e MarkMonitor, uma empresa de gerenciamento de domínios, disseram ter corrigido o erro, evitando qualquer dano.



Em agosto de 2013, em meio a declarações que os EUA iriam se juntar à guerra civil síria, e tentar remover Assad do poder, o SEA hackeou The Huffington Post, The New York Times, e outras redes de notícias que os hackers acreditam ser contra o Assad.



0 Comentários
 
Topo