Policiais militares entraram em greve por volta de meia noite de domingo, apesar de o secretário de Segurança, Paulo Roberto Vital, ter assegurado que isso não ocorreria. O secretário, que pode ser demitido nas próximas horas, disse que a "propalada greve é apenas virtual". Não era. Cerca de 700 policiais se reuniram em frente ao estádio Amadeu Teixeira e se declararam em greve.

Dezenas de carros da Rocam chegaram ao local lotados de pms por volta de zero hora e dez, ficando parados. Os pms aderiraram a greve. O comando da corporação convocou oficiais e soldados-alunos que passarão a fazer policiamento. O Exército pode ser convocado para ajudar na segurança da cidade.

Comente abaixo sua opinião sobre o assunto!

Fonte: Portal do Holanda


0 Comentários
 
Topo