A partir desta quarta (1º), o documentário "Junho - O Mês que Abalou o Brasil" poderá ser visto gratuitamente pela internet por 48 horas. Também de hoje em diante, será possível alugar "Junho" na TV, pelos serviços de vídeo sob demanda Net Now e GVT (veja abaixo).

Em 15 de outubro, "Junho" também sairá em DVD, a R$ 19,90. A pré-venda já está ocorrendo em lojas do ramo. O filme, produção da Folha que retrata a mobilização política que tomou conta das ruas do país em junho do ano passado, ficará disponível integralmente no YouTube a partir das 17h desta quarta até as 17h de sexta (3). "Na página do filme no Facebook, muita gente pediu para ver Junho' de graça, por isso decidimos disponibilizá-lo também dessa forma", explica Igor Kupstas, diretor da distribuidora O2 Play.

Com direção do fotógrafo João Wainer, "Junho" usa imagens feitas pela equipe da "TV Folha" durante as semanas de manifestações em São Paulo, Rio, Brasília e outras cidades brasileiras em junho de 2013. A cobertura dos protestos recebeu o prêmio Esso de "Melhor Contribuição ao Telejornalismo" em 2013. "Neste momento de eleições, o que ocorreu em junho de 2013 volta ao debate, então essa nova fase de lançamento vem numa época oportuna para conhecer o filme ou para revê-lo", diz Wainer.

Na internet, o filme poderá ser assistido pelos serviços pagos Vimeo On Demand e Google Play, além de já estar disponível para compra pelo iTunes desde a estreia –foi o primeiro filme brasileiro a estrear simultaneamente nos cinemas e nesta plataforma. O filme chegou aos cinemas em junho passado, em 14 cidades brasileiras. Em São Paulo, ficou ao todo três meses em cartaz. Já em novembro, ficará disponível para os assinantes do serviço de TV sob demanda Netflix, tanto no Brasil quanto em países da América Latina, com opção de legendas em espanhol.

Na televisão por assinatura, no Canal Brasil, o filme passará a ser exibido na programação em novembro.

"JUNHO" PARA VER EM CASA NA INTERNET

O filme, na íntegra, poderá ser visto gratuitamente das 17h desta quarta (1º) às 17h de sexta (3) em www.youtube.com/CanalO2Play - Por US$ 3,99 (cerca de R$ 10) o aluguel e US$ 9,99 (R$ 25) a compra, pode ser visto, em alta definição, no Vimeo On Demand (vimeo.com/ondemand/junho) e no iTunes (itunes.com/junho).

No serviço Google Play, entrará até sexta (3) - No início de novembro, Junho' entra no catálogo do serviço Netflix no Brasil e na América Latina NA TELEVISÃO - 'Junho' pode ser alugado nos serviços Net Now e GVT, por R$ 9,90. - Em 15/10, o DVD do documentário estará à venda por R$ 19,90. Já está em pré-venda na Livraria da Folha e em lojas do ramo - Em novembro, filme passará a ser exibido no Canal Brasil

Assista aqui o filme JUNHO - Filme completo OFICIAL - Só por 48h - assista e compartilhe:





Assista a versão completa upada em outro canal:


 Comente abaixo sua opinião sobre o filme!

Fonte: Folha de S. Paulo




0 Comentários
 
Topo